Loja OLAVETTES: produtos Olavo de Carvalho

Assembléia Legislativa do Rio de Janeiro concede Medalha Tiradentes a Olavo de Carvalho. Aqui.

quinta-feira, 8 de dezembro de 2011

Resposta às ameaças judiciais do C.P. de Passo Fundo

CATÓLICOS NA POLÍTICA


Ontem, como muitos sabem, recebi uma ameaça de medida judicial por e-mail, feita por um rapaz de nome C.P. (o nome não iremos divulgar pois o próprio fato já é um atentado à sua honra, porém nós não temos qualquer interesse em atingí-la). O referido me ameaça de muitos crimes como cometer exposição de dados, calúnia e incitação à violência, além de me chamar de manipulador. O conteúdo do e-mail se encontra logo abaixo:

"Boa tarde!

Venho a ti bruno, por constar seu nome como editor chefe da página denominada "Católicos na Política".

Quando se quer estabelecer verdades a partir de preconceitos, se passa por cima de tudo, até das pessoas que pensam diferente. Jesus na sua vida pública, pra não dizer politica, que no fim daria no mesmo, nunca disse que não deveriamos nos ...envolver em lutas sociais, aliás ele o fez diversas vezes. Se nosso amigo Edivandro está seguindo os passos de Jesus e pensa diferente do modelo que vocês pregam, isso não quer dizer nunca não seguir os passos da igreja, mas sim atualizá-la para o povo. Cada lugar é um lugar e é um contexto. Jamais o que se prega totalmente em Roma será pregado aqui no Brasil, precisa de readaptações, se não compreendem isso, jamais compreenderão a realidade em que o povo vive. A igreja não existe para si e sim para um projeto maior que tem Jesus como cabeça e o povo como corpo e não a Instituição eclesial. E por último, gostaria de dizer que é um crime previsto em lei, como calúnia, preconceito por uma causa individual sem relevar a liberdade do outro, o que vocês estão fazendo. Expor uma pessoa publicamente, assim como seus dados, incitando a discriminação e a violência verbal, denigrindo e manipulando. Creio que o melhor que tendes a fazer é retirar esse conteúdo do ar antes que tudo isso se torne uma imensa causa judicial que pode gerar transtornos. Andei olhando o material publicado na página http://catolicosnapolitica.blogspot.com/, e nela está minha foto, não autorizei ninguém a usar minha imagem pra esse fim, me sinto extremamente ofendido, ainda mais para denigrir uma pessoa cujo caráter confio muito, gostaria de pedir a gentileza de um pedido de desculpas público, assim como fizeram a dita cuja campanha, caso contrário consequências judiciais poderão ser tomadas.

Atenciosamente,

C.P."

Após o ocorrido, descobri que até o final do e-mail, ele já havia feito as mesmas ameaças e proferido as mesmas calúnias, inclusive com o MESMO TEXTO, ao meu amigo Alex Brum Machado, como podem ver abaixo e no próprio blog do Cavaleiro do Templo:

cppfanonimo.png

E aí C.P.? Vai dizer que não autorizaram seu comentário e sua foto no comentário quando as pessoas verem também? Infelizmente, eu já havia gravado o vídeo antes desse fato com o Alex Brum Machado acontecer, o que é uma pena, pois é uma pessoa que já se expôs publicamente e já consentiu com isso, mas por mera prudência, não publicaremos o nome dele neste blog.

A resposta para ti, caro C.P., é muito clara:

Nenhum comentário:

wibiya widget

A teoria marxista da “ideologia de classe” não tem pé nem cabeça. Ou a ideologia do sujeito traduz necessariamente os interesses da classe a que ele pertence, ou ele está livre para tornar-se advogado de alguma outra classe. Na primeira hipótese, jamais surgiria um comunista entre os burgueses e Karl Marx jamais teria sido Karl Marx. Na segunda, não há vínculo entre a ideologia e a condição social do indivíduo e não há portanto ideologia de classe: há apenas a ideologia pessoal que cada um atribui à classe com que simpatiza, construindo depois, por mera inversão dessa fantasia, a suposta ideologia da classe adversária. Uma teoria que pode ser demolida em sete linhas não vale cinco, mas com base nela já se matou tanta gente, já se destruiu tanto patrimônio da humanidade e sobretudo já se gastou tanto dinheiro em subsídios universitários, que é preciso continuar a fingir que se acredita nela, para não admitir o vexame. Olavo de Carvalho, íntegra aqui.
"Para conseguir sua maturidade o homem necessita de um certo equilíbrio entre estas três coisas: talento, educação e experiência." (De civ Dei 11,25)
Cuidado com seus pensamentos: eles se transformam em palavras. Cuidado com suas palavras: elas se transformam em ação. Cuidado com suas ações: elas se transformam em hábitos. Cuidado com seus atos: eles moldam seu caráter.
Cuidado com seu caráter: ele controla seu destino.
A perversão da retórica, que falseia a lógica e os fatos para vencer o adversário em luta desleal, denomina-se erística. Se a retórica apenas simplifica e embeleza os argumentos para torná-los atraentes, a erística vai além: embeleza com falsos atrativos a falta de argumentos.
‎"O que me leva ao conservadorismo é a pesquisa e a investigação da realidade. Como eu não gosto de futebol, não gosto de pagode, não gosto de axé music, não gosto de carnaval, não fumo maconha e considero o PT ilegal, posso dizer que não me considero brasileiro - ao contrário da maioria desses estúpidos que conheço, que afirma ter orgulho disso". (José Octavio Dettmann)
" Platão já observava que a degradação moral da sociedade não chega ao seu ponto mais abjeto quando as virtudes desapareceram do cenário público, mas quando a própria capacidade de concebê-las se extinguiu nas almas da geração mais nova. " Citação de Olavo de Carvalho em "Virtudes nacionais".