Loja OLAVETTES: produtos Olavo de Carvalho

Assembléia Legislativa do Rio de Janeiro concede Medalha Tiradentes a Olavo de Carvalho. Aqui.

quarta-feira, 1 de agosto de 2012

ESQUEMA DE CHÁVEZ ILUDE JORNALISTAS BRASILEIROS E CAUDILHO PASSA POR EXAME MÉDICO EM HOSPITAL DE BRASÍLIA

 

BLOG DO ALUIZIO AMORIM

Segunda-feira, Julho 30, 2012

 

Close-up de Chávez numa de suas últimas aparições públicas

O jornalista venezuelano Nelson Bocaranda dá uma bela furada na imprensa brasileira, particularmente a de Brasília, ao revelar que o tiranete Hugo Chávez fará um exaustivo check-up em clínica de Brasília, para ver como está o avanço do câncer em seu organismo, aproveitando sua estada na capital federal para participar do convescote do Mercosul. Em tradução livre do espanhol é isto que informa Bocaranda, em sua famosa coluna Runrunes. Abaixo no original em espanhol. Leiam:

O presidente Hugo Chávez será submetido a um check-up esta tarde num dos hospitais situados na capital do Brasil e que é utilizados pelos presidentes do Brasil, seus familiares, ministro e o alto Comando Militar. Possivelmente o da Universidade de Brasília que tem as instalações mais modernas. O mandatário requer um check-up exaustivo por meio do chamado PetScan ou Tomografia por Emissão de Positrons, pois estava pendente de fazê-lo há mais de um mês.

Em princípio ia ser em Cuba mas a angústia do paciente em torno dos resultados o estimulou a aproveitar a viagem à reunião extraordinária do Mercosul - que ia ser no Rio de Janeiro mas que foi transferida por sugestão de Lula e da presidente Dilma Rousseff à capital para que Chávez "dissimulasse" o check-up com dois médicos cubanos e dois brasileiros - em Brasília.

Dessa forma Chávez eliminou a possibilidade de que os médicos cubanos lhe recomendaram não continuar sua viagem a Brasílias o que seria visto como um mau sinal de sua "recuperação". Assim, com a viagem diretamente à capital do império (sic) brasileiro, se esconde o check-upque em Cuba ia ser conhecida pelas mesmas fontes que antes nos mantiveram informados de seus tratamentos.

O chefe médico cubano que dirige os movimentos públicos do tenente-coronel Hugo Chávez viajou há alguns dias a Brasília para coordenar os exames. 

Lula não tem deixado de sugerir a Chávez que vá a São Paulo para umcheck-up no famoso hospital Sírio Libanês, algo descartado por Chávez para não "ofender" a medicina cubana.

Estando em campanha, com uso de esteróides e calmantes em altas doses, Chávez quer aparentar que já está curado. Seu afã de vencer as eleições de 7 de outububro próximo o impele a desobedecer - uma vez mais - as recomendações de seus médicos.

Aparentando estar no hotel ou numa entrevista com a presidente Rousseff no Palácio do Planalto os agentes de segurança presidedncial do Brasil o levarão ao hospital selecionado. Outra caravana similar a do presidente venezuelano distrairá a imprensa que já está na capital do colosso do Sul (sic).

Os resultados desse check-up serão discutidos em teleconferência com os médicos de Cuba, Brasil, Espanha e Venezuela mais tarde da noite.

Já saberemos os resultados desse exame e do estado de saúde de Chávez na manhã desta terça-feira. Ou ainda pelos informes eventualmente vazados ou pela cara do paciente e seus colaboradores na reunião do Mercosul.

EN ESPAÑOL - El Presidente Hugo Chávez será chequeado esta tarde en uno de los hospitales situados en la capital de Brasil y que es el utilizado por los presidentes de Brasil, sus familiares, ministros y alto mando militar. Posiblemente sea el de la Universidad de Brasilia que tiene las instalaciones más modernas. El mandatario requiere un chequeo exhaustivo a través del llamado PetScan o Tomografía por Emisión de Positrones, pues estaba pendiente de hacérselo desde hace más de un mes. En principio iba a ser en Cuba pero la angustia del paciente en torno a los resultados lo estimuló a aprovechar el viaje a la reunión extraordinaria de Mercosur -que iba a ser en Rio de Janeiro pero que fue cambiada por sugerencia del ex presidente Lula Da Silva a la presidenta Dilma Rousseff a la capital para que Chávez “disimulara” el chequeo con dos médicos cubanos y dos brasileños- en Brasilia. De esa forma Chávez eliminó la posibilidad de que los médicos cubanos le recomendaran no continuar el viaje a Brasilia lo que habría sido visto como un mal signo de su “recuperación”. Así, con el viaje directo a la capital del imperio brasilero, se esconde el chequeo que en Cuba iba ser conocido por las mismas fuentes que antes nos mantuvieron informados de sus tratamientos.

El jefe médico cubano que dirige los movimientos públicos del teniente-coronel-presidente viajó hace unos días a Brasilia para coordinar los exámenes.

Lula no ha cejado en sugerirle a Chávez que viaje a Sao Paulo para un chequeo en el famoso hospital Sirio Libanés, algo desechado por el venezolano para no “ofender” a la medicina cubana.

Estando en campaña, con uso de esteroides y calmantes en altas dosis, Chávez quiere aparentar que ya está curado. Su afán de ganar las elecciones del 7/O lo ha impulsado a desobedecer -una vez más- las recomendaciones de sus médicos tratantes.

Aparentando estar en el hotel o en una entrevista con la presidenta Rousseff en el Palacio Presidencial de Planalto los agentes de seguridad presidencial de Brasil lo llevarán al hospital seleccionado. Otra caravana similar a la del presidente venezolano distraerá a la prensa que ya está en la capital del coloso sureño.

Los resultados de este chequeo serán discutidos en teleconferencia con los médicos de Cuba, Brasil, España y Venezuela mas tarde en la noche.

Ya sabremos mañana martes el estado de la enfermedad. Bien sea por los informes que se cuelen o por la cara del paciente y sus colaboradores en la reunión de Mercosur. Do site Runrunes

Nenhum comentário:

wibiya widget

A teoria marxista da “ideologia de classe” não tem pé nem cabeça. Ou a ideologia do sujeito traduz necessariamente os interesses da classe a que ele pertence, ou ele está livre para tornar-se advogado de alguma outra classe. Na primeira hipótese, jamais surgiria um comunista entre os burgueses e Karl Marx jamais teria sido Karl Marx. Na segunda, não há vínculo entre a ideologia e a condição social do indivíduo e não há portanto ideologia de classe: há apenas a ideologia pessoal que cada um atribui à classe com que simpatiza, construindo depois, por mera inversão dessa fantasia, a suposta ideologia da classe adversária. Uma teoria que pode ser demolida em sete linhas não vale cinco, mas com base nela já se matou tanta gente, já se destruiu tanto patrimônio da humanidade e sobretudo já se gastou tanto dinheiro em subsídios universitários, que é preciso continuar a fingir que se acredita nela, para não admitir o vexame. Olavo de Carvalho, íntegra aqui.
"Para conseguir sua maturidade o homem necessita de um certo equilíbrio entre estas três coisas: talento, educação e experiência." (De civ Dei 11,25)
Cuidado com seus pensamentos: eles se transformam em palavras. Cuidado com suas palavras: elas se transformam em ação. Cuidado com suas ações: elas se transformam em hábitos. Cuidado com seus atos: eles moldam seu caráter.
Cuidado com seu caráter: ele controla seu destino.
A perversão da retórica, que falseia a lógica e os fatos para vencer o adversário em luta desleal, denomina-se erística. Se a retórica apenas simplifica e embeleza os argumentos para torná-los atraentes, a erística vai além: embeleza com falsos atrativos a falta de argumentos.
‎"O que me leva ao conservadorismo é a pesquisa e a investigação da realidade. Como eu não gosto de futebol, não gosto de pagode, não gosto de axé music, não gosto de carnaval, não fumo maconha e considero o PT ilegal, posso dizer que não me considero brasileiro - ao contrário da maioria desses estúpidos que conheço, que afirma ter orgulho disso". (José Octavio Dettmann)
" Platão já observava que a degradação moral da sociedade não chega ao seu ponto mais abjeto quando as virtudes desapareceram do cenário público, mas quando a própria capacidade de concebê-las se extinguiu nas almas da geração mais nova. " Citação de Olavo de Carvalho em "Virtudes nacionais".